Buscar

A Anvisa fará uma reunião que pode definir um novo modelo de rotulagem dos alimentos

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) marcou para a próxima quarta-feira (07) uma reunião que pode definir o novo modelo de rotulagem dos alimentos. O Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor) está com uma petição aberta a esse respeito.

Muitos produtos das prateleiras do mercado são prejudiciais a saúde e bem-estar, sem que o consumidor saiba. Por isso, há pelo menos seis anos, o Idec defende o direito do consumidor em saber o que come pressionando por mudanças nas regras dos rótulos dos alimentos.


As informações devem ser claras e corretas nas embalagens dos alimentos para que as pessoas possam fazer escolhas mais conscientes e saudáveis e a ciência já provou que a maneira mais eficaz de informar o consumidor sobre as reais características de um produto é exibindo alertas na parte da frente das embalagens.


Nova rotulagem.

O modelo dos triângulos foi proposto pelo Idec em parceria com especialistas em design da informação da UFPR (Universidade Federal do Paraná) e é apoiado por dezenas de parceiros. Pesquisas já comprovaram que o triângulo é a forma mais eficaz de informar o consumidor na hora da compra, e até a Anvisa, em um de seus relatórios, deixou isso claro. Em setembro de 2019, a Anvisa propôs o design da lupa para a rotulagem nutricional frontal. O modelo de lupa está em avaliação no Canadá, mas já recebeu críticas de especialistas em saúde pública do país.


De setembro a dezembro de 2019, a agência abriu uma consulta pública para que a população pudesse opinar sobre qual é o melhor modelo de rotulagem para o Brasil. Agora, o Idec e todos os consumidores aguardam o resultado dessa consulta.


Saiba mais sobre a petição.

3 visualizações

Assine nossa newsletter e fique por dentro!

  • Twitter
  • Facebook
  • YouTube