• FórumDCNTs

Relatório GT Prevenção de DCNTs - 8° Encontro do FórumDCNTs 2021


Prioridade(s) identificada(s):


Necessidade de fortalecimento da atenção primária principalmente com programas de educação e por meio de tecnologias digitais, para, através de iniciativas de promoção, prevenção, além de diagnóstico e tratamento/acompanhamento efetivos das DCNTs, com intervenções comprovadamente custo-efetivas, como os pacotes técnicos OPAS/OMS e projetos em curso dos parceiros, melhores resultados de saúde possam ser atingidos. Incorporar estratégias efetivas de monitoramento e avaliação de impacto e desfecho em todas as iniciativas.


Educar desde a infância para comportamentos que favoreçam prevenção de DCNTs, e com repercussão dentro das famílias e comunidades. Estas devem estar engajadas, participando com escolas e unidades de saúde para o aprimoramento dos serviços de prevenção e cuidados com DCNTs.


Resumo das propostas e/ou parcerias para enfrentar o(s) problema(s) identificado(s). Como os participantes desta reunião planejam atuar para enfrentar a(s) prioridade(s) identificado(s)?


I. Capacitar a Atenção Primária para ações de prevenção, diagnóstico precoce e acompanhamento efetivo de DCNTs e investir nas Equipes de Saúde da Família, com empoderamento dos agentes comunitários de saúde (ACSs), para que façam orientações e acompanhemento focado em hábitos alimentares e prevenções do sedentarismo.

II. Incorporar ao programa Saúde na Escola conteúdos de promoção e prevenção de DCNTs, para que, através de aspectos engajadores no currículo escolar e com uso de tecnologia digital, sejam construídas recomendações adequadas à realidade de cada comunidade. Este ajuste para as escolas e comunidades facilitará organização de atividades temáticas alinhadas a datas como o dia nacional e o dia mundial de prevenção de diabetes, hipertensão, tabagismo, além de outros programas, como o Young Health Programme.

III. Replicar em todo o território nacional, de forma adaptada às realidades locais, modelos comprovadamente eficientes e efetivos para o combate das DCNTs, incluindo, mas não limitando àqueles dos programas HEARTS e HEARTS-D, HealthRise, Cities Changing Diabetes, Better Hearts Better Cities (Cuidando de Todos), HeartRescue, Resolve, Shake, ACTIVE, Agita-SP, SAFER e MPower.

IV. Estabelecer cultura do monitoramento, para que cada um dos pontos anteriores tenha seu impacto/desfecho avaliado com contribuições de todos os stakeholders envolvidos (gestores, população, equipe multidisciplinar e técnicos), e possa ser oportunamente ajustado, otimizado ou ampliado.


Nome das instituições e seus representantes nesta reunião do Grupo Temático:

  • Diogo Alves, OPAS/OMS (Facilitador)

  • Enilda Lara, HCor

  • Frida Plavnik, SBH

  • Giulliano Assunção, Novartis

  • Iara Simis, Plan International

  • Isabela Vargas, Sanofi

  • Iseli Reis, FlexiMedical

  • Yara Baxter, Novartis Foundation; (Co-Facilitadora)



Abaixo, ações que as instituições participantes já estão desenvolvendo ou planejando para 2021: