top of page
  • Foto do escritorFórumDCNTs

Diabetes no Ambiente Educacional - Finalista Melhores Projetos FórumDCNTs 2023

Nome do Projeto: Diabetes no ambiente educacional Responsável pelo projeto: Vinícius Batista Campos

Instituição: Instituto Federal da Paraíba (IFPB)

Contato: vinicius.campos@ifpb.edu.br

Instituições parceiras Santa Casa de BH, Movimento Influencers Diabetes Brasil (MIDB) e Instituto Diabetes Brasil, prefeituras de Princesa Isabel-PB, Água Branca-PB e Quixaba-PE.

Sobre o Projeto

O objetivo do projeto é promover conscientização sobre diabetes nas escolas da rede municipal dos municípios de Serra do Teixeira (PB) e Pajeú Pernambucano, com vistas a assegurar orientações adequadas no meio escolar. Foram levantadas informações em estabelecimentos de ensino dessa região e conseguiu-se constatar estudantes DM1 em escolas de Manaíra-PB, Tavares-PB, Juru-PB, Princesa Isabel-PB, Água Branca-PB e Quixaba-PE, além da ausência de sinalização de DM1 no ensino fundamental I e II no município de São José de Princesa. Dos sete municípios, após articulação, realizaram-se ações em Princesa Isabel-PB, Água Branca-PB e Quixaba-PE, compartilhando informações básicas para o cotidiano de estudantes que convivem com diabetes, como hipoglicemia, hiperglicemia, mitos sobre diabetes importância do rodízio de aplicação de insulina, etc.

A primeira etapa para a implementação foi visitar o poder público municipal (Prefeitos e câmaras de vereadores) para falar do projeto e apresentar a importância de políticas públicas sobre o assunto. Após a sinalização desses, buscou-se as escolas que tinham ciência de estudantes com DM1. Em diálogo com gestores escolares, usou-se o PROGRAMA KIDS (Kids and Diabetes in Schools), para auxiliar essas escolas que, com base na coleta de dados, não sabiam como lidar com a rotina dos estudantes. As avaliações quantitativas foram mensuradas pelo número de DM1 detectados, glicemias capilares e leis sancionadas.


Por meio do projeto conseguiu-se auxiliar na elaboração de duas leis municipais voltadas para prevenção e controle do diabetes nas escolas, realizar um evento sobre diabetes na escola (1º da rede federal de educação profissional), que contou com 270 inscritos de 127 municípios de 19 estados brasileiros, elaboração da Carta de Princesa Isabel e identificação de 17 estudantes DM1.


Levar essa discussão no meio escolar, onde a condição crônica transita ao seu redor inúmeros mitos e paradigmas, é fundamental. Dar visibilidade ao tema é colaborar com a inclusão de estudantes, mas também trazer proposituras de políticas públicas que possam facilitar a vida desses estudantes. O debate explicita e detalha informações científicas acerca do assunto, contribui-se para uma população mais apropriada no assunto e, com isso, auxilia-se no diagnóstico, acesso e tratamento.


Saiba Mais:

Comments


bottom of page