• FórumDCNTs

NCD Alliance publica Agenda Global para Resiliência e Recuperação do COVID-19

A NCD Alliance desenvolveu esta Agenda Global para Resiliência e Recuperação do COVID-19 com o objetivo de alcançar os formuladores de políticas que buscam uma reconstrução mais justa. A pandemia está longe de terminar e as respostas até o momento foram inadequadas, revelando falhas na solidariedade internacional e exacerbando as desigualdades.


No entanto, a resposta à pandemia oferece uma oportunidade de aprender lições e garantir que inovações, recursos e tecnologias mobilizados também possam ter um impacto transformador para lidar com doenças crônicas não transmissíveis (DCNTs) - que anualmente são responsáveis por mais de 40 milhões de óbitos e levar cerca de 100 milhões de pessoas à pobreza. A ação e o investimento em DCNTs devem ser vistos como fundamentais para a resiliência, segurança, equidade e estabilidade econômica. Esta Agenda Global de DCNTs para Resiliência e Recuperação do COVID-19 descreve soluções de ganho mútuo para garantir que todos os países possam se recuperar mais fortes e adotar um futuro mais seguro e saudável. As recomendações destinam-se a apoiar líderes e tomadores de decisão a intensificar ações e investimentos equitativos e econômicos para fortalecer a saúde da população e construir sistemas de saúde mais resilientes. Isso inclui tomadores de decisão em governos nacionais, em todos os ministérios e departamentos, liderança de serviços públicos, incluindo sistemas de saúde, força de trabalho em saúde, instituições internacionais, sociedade civil, instituições de pesquisa, filantropia e o setor privado trabalhando para melhorar a saúde e o desenvolvimento sustentável.

A Agenda conta com 12 recomendações que estão agrupadas em três pilares:


Pilar 1 - Governança: Redefinir prioridades e poder e medir o que importa

  • Incluir DCNTs nos planos de resposta, recuperação e preparação para a COVID-19

  • Envolver a comunidade na tomada de decisões

  • Repensar o caso de investimento para DCNTs, valorizando a segurança e o patrimônio

  • Redefinir como a segurança sanitária e a preparação para pandemias são medidas

  • Corrigir conflitos de interesse e desequilíbrios de poder

Pilar 2 - Prevenção: Priorizar a saúde como caminho para a preparação

  • Aposte na prevenção

  • Combater as desigualdades através de uma melhor proteção social

Pilar 3 - Sistemas de saúde: mais justos e aptos para o futuro

  • Integrar serviços de DCNT na resposta à pandemia e após

  • Fortalecer os serviços de saúde e os cuidados primários a nível comunitário

  • Ancorar inovações em dados e implantação de tecnologias digitais

  • Resolver gargalos nas cadeias de suprimentos

  • Facilitar e apoiar a produção local de medicamentos essenciais para as DCNTs

Acesse o documento na íntegra.