• FórumDCNTs

Custo-Efetividade de Point-of-Care de A1C na APS-SUS por Membros do FórumDCNTs

Realizado por membros do FórumDCNTs, o estudo Cost-Effectiveness of Point-of-Care A1C Tests in a Primary Care Setting, teve por objetivo avaliar a relação custo-eficácia do dispositivo de teste de ponto de atendimento A1c (POC-A1c) versus a dosagem laboratorial tradicional em um ambiente de atenção primária para pessoas que vivem com diabetes tipo 2.


Este estudo avaliou dados de pessoas vivendo com diabetes mellitus (DM), atendidas nas 16 UBS da zona urbana de Vitória da Conquista. O acompanhamento de 18 meses dos participantes foi realizado por um grupo de pesquisa como parte do Programa HealthRise, que é uma iniciativa global que visa melhorar o acesso e o atendimento de qualidade para indivíduos em comunidades carentes com DM e hipertensão.


O projeto local incluiu apoio para reorganização do fluxo de trabalho, compra de dispositivos médicos e de informática, implementação de prontuários eletrônicos, treinamento de profissionais de saúde em protocolos de gerenciamento de DM e hipertensão, qualificação de agentes comunitários de saúde, realização de feiras de saúde para detecção de DM e hipertensão em pessoas ainda não diagnosticadas e monitorar os resultados de dados de testes clínicos, como A1c e pressão arterial. Além disso, algumas novas tecnologias, como dispositivos POC-A1c, foram avaliadas em um ambiente da vida real de atenção primária.



Nessa unidade, os indivíduos sem resultados recentes do teste A1c foram testados antes da consulta médica. Os indivíduos que apresentaram um resultado de teste A1c acima do nível-alvo foram agendados para um novo teste 3 meses depois, de acordo com o fluxo de trabalho de rotina. O consentimento informado foi exigido de todos os indivíduos. Nenhuma intervenção direta médica foi feita. O estudo demonstrou que o uso de dispositivos POC-A1c em ambientes de cuidados primários é uma alternativa econômica para monitorar a hemoglobina A1c glicada como um marcador de gerenciamento de glicose no sangue em pessoas que vivem com diabetes tipo 2.


Comparado a um teste laboratorial centralizado, o uso do dispositivo POC-A1c em uma unidade de saúde aumentou a chance de manejo precoce do diabetes tipo 2 e reduziu os custos em relação aos desfechos relacionados ao DM.

Leia o estudo completo.