top of page
  • Foto do escritorFórumDCNTs

Câncer de Mama: Diagnóstico e Prevenção em Pessoas com Alto Risco - 18/08, às 16h



Objetivos:

  • Entender os desafios, e oportunidades para superá-los, na jornada da pessoa com câncer de mama, da prevenção ao diagnóstico e tratamento, sem esquecer das leis dos 30 e a dos 60 dias.

  • Conhecer e potencializar as diretrizes para detecção precoce do câncer de mama em pessoas com alto risco para desenvolvê-lo, assim como toda a sua linha de cuidado, a fim de atingir os resultados almejados.

  • Reunir esforços intersetoriais para melhorar sistemas e otimizar políticas de prevenção, diagnóstico e tratamento para pessoas com elevado de desenvolver esse tipo de câncer, a fim de retirá-lo do topo da lista de causas de morte no país.

Agenda:


16h00-16h20 – Abertura e Contextualização (moderação: Mark Barone, FórumDCNTs) (Vídeo)

  • Priscila Torres (Biored Brasil) (Vídeo)

16h25-16h30 – Quais são as pessoas com alto risco para desenvolver câncer de mama e quais as diretrizes para diagnóstico precoce dessas pessoas? (Mônica de Assis, INCA) (Vídeo)


16h35-16h40 – Quais os desafios da pessoa com alto risco para o acesso oportuno aos exames e tratamento do câncer de mama? (Luciana Holtz, Oncoguia) (Vídeo)


16h45-16h50 – Quais as melhores estratégias para prevenção, diagnóstico e tratamento desse tipo de câncer em pessoas com alto risco? Como escalá-las? (Kátia Audi, ANS) (Vídeo)

16h50-16h55 – Com base em experiências práticas, quais ajustes no sistema melhoram em curto prazo cuidados e desfechos em câncer de mama? (Daniely Votto, IGCC) (Vídeo)


17h00-17h05 – Quais políticas devem ser prioritárias a nível municipal para o enfrentamento desse desafio? (Alessandro Chagas, CONASEMS) (Vídeo)


17h10-17h15 – Quais ações a nível estadual estão sendo tomadas diagnóstico e tratamento precoce de pessoas em alto risco para câncer de mama? (Gustavo Ribas, SES-DF) (Vídeo)


17h15-17h45 – Debate com todos os painelistas – Com quais planos precisamos nos comprometer intersetorialmente, durante os próximos quatro anos, para melhorar os resultados de prevenção e tratamento do câncer de mama? (Moderação: Mark Barone, FórumDCNTs) (Vídeo)


Painelistas e moderador


Alessandro Chagas

(CONASEMS)

Graduado em Farmácia pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), com ênfase em Análises Clínicas. Atuou em Farmácia Hospitalar e assessoria de implantação de sistema de gestão da qualidade, como Gestor de Laboratório e área técnica e na Auditoria aos Laboratórios Centrais de Saúde Pública e de Referência Nacional do Sistema Nacional de Laboratórios de Saúde Pública. Experiência em Gestão Pública, Políticas Públicas, Assessoria, Auditoria, Análises Clínicas, com ênfase em Bioquímica, Epidemiologia e Farmácia Hospitalar. Atualmente é Consultor da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) e Assessor técnico do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS) em Brasília/DF.


Daniely Votto, MSc

(IGCC)

Graduada em Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), Mestre pela Escola de Humanidades da PUCRS, com foco na experiência do Orçamento Participativo de Porto Alegre e a emergência do clientelismo. Atuou na Coordenação de Relações Internacionais da Prefeitura de Porto Alegre e gerenciou a área de Governança Urbana do Programa Cidades do World Resources Institute (WRI Brasil). Atualmente é Membro do Hub Global de Democracia Participativa People Powered e Diretora Executiva do IGCC - Instituto de Governança e Controle do Câncer.


Gustavo Ribas, MD

(SES-DF)

Graduado em Medicina pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), Residência em Clínica Médica no programa da SES-SP no Hospital Heliópolis, São Paulo e em Oncologia Clínica no programa da SES-DF no Hospital de Base do Distrito Federal. Atuou como Preceptor e Coordenador da Residência Médica em Oncologia Clínica do HBDF e Supervisor do Programa de Residência Médica em Oncologia Clínica do HDF. Atua como Médico Oncologista do Grupo Acreditar/Rede D'or e Membro da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC). Atualmente é Chefe da Assessoria de Política de Prevenção e Controle do Câncer (ASCCAN) da Secretaria de Estado da Saúde do Distrito Federal.


Kátia Audi, MBA

(ANS)

Graduada em Saúde e Educação Físcia pela Universidade Gama Filho, Especialista em Gestão Hospitalar e Psiquiatria Social pela Fundação Oswaldo Cruz e MBA em Gestão de Serviços de Saúde pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Mais de 20 anos na Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) atualmente sendo a Coordenadora de Indução de Qualidade Setorial/COIME/GEEIQ/DIDES/ANS.


Luciana Holtz

(Oncoguia)

Graduada em Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), Especialista em Bioética pela Faculdade de Saúde Pública da FMUSP e Especialista em Psicologia Hospitalar pelo Hospital Emílio Ribas. Atuou como Psico-oncologista instituições públicas e privadas, Conselheira Suplente do Conselho Nacional de Saúde, Coordenou a Iniciativa Global para a Conscientização do câncer de mama no Brasil da Ong Susan G. Komen for the cure e focou toda sua carreira na área do câncer, tornando-se também uma empreendedora social fellow ashoka. Fundadora do Instituto Oncoguia, onde atualmente é Presidente.


Mônica de Assis, MSc, PhD

(INCA)

Graduada em Serviço Social pela UERJ, Sanitarista pela Escola Nacional de Saúde Pública (Fiocruz), Especialista em Gerontologia pela Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia (SBGG), Mestre em Saúde Coletiva pelo Instituto de Medicina Social (UERJ) e Doutora em Ciências da Saúde pela Escola Nacional de Saúde Pública (Fiocruz). Experiência como Coordenadora e Docente do módulo de prevenção de doenças e promoção da saúde e orientadora acadêmica do Curso de Especialização em Geriatria e Gerontologia da UnATI/UERJ. Atualmente é Tecnologista do Instituto Nacional de Câncer (INCA)/Ministério da Saúde, onde atua na Divisão de Detecção Precoce e Apoio à Organização de Rede, em ações de ensino, pesquisa e comunicação em saúde.


Priscila Torres

(Biored Brasil)

Graduada em Jornalismo pela Faculdades Metropolitana Unidas, Mestranda em Assistência Farmacêutica na Universidade de Brasilia pelo programa de Pós-Graduação em Assistência Farmacêutica (PPGASFAR). É autora do Livro EncontrAR e do Blog Artrite Reumatoide - a vida após a artrite reumatoide. Além disso, colabora com diversos grupos de trabalho de escopo de diretrizes clínicas terapêuticas do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (PROADIS-SUS). Atualmente é Coordenadora de Advocacy e Responsabilidade Social na Biored Brasil, participa como Conselheira Nacional de Saúde, do Conselho Nacional de Saúde na Câmara de Saúde Suplementar no Comitê Permanente de Atenção à Saúde da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), e no Comitê de Protocolos Clínicos da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologia (CONITEC).


Mark Barone, PhD

(FórumDCNTs)

Doutor em Fisiologia Humana pela USP, Especialista em Educação em Diabetes e em Comunicação. Desde 1999 desenvolve pesquisas e projetos de Educação em Saúde, Empoderamento, Liderança de (im)pacientes, Divulgação Científica e Saúde Global. Ampla experiência na facilitação de parcerias para a implementação, sustentabilidade e escala de programas e políticas de saúde. Foi Fellow no PHI e Diretor Técnico do Instituto de Saúde Pública do Brasil, prestando serviço à Medtronic Foundation como Senior Global Technical Advisor (2016-2019). Atualmente é Coordenador Geral do FórumDCNTs, Membro do Advisory, Scientific, Education ou Steering Committee de entidades nacionais e internacionais, incluindo SBD, ADJ Diabetes Brasil, IAPO, BMJ Patients Panel, RICPHI e LFAC.


Parceiros institucionais



Parceiro Corporativo


Comments


bottom of page