top of page
  • Foto do escritorFórumDCNTs

OPAS lança em português Orientações sobre Serviços Comunitários de Saúde Mental

A Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS), em parceria com a Organização Mundial da Saúde (OMS), lançou no dia 03 de novembro a versão em português do Guia de Orientações sobre Serviços Comunitários de Saúde Mental: Promoção de Abordagens Centradas na Pessoa e Baseadas em Direitos, além de sete materiais técnicos distribuídos em categorias específicas de serviços de saúde mental e orientação para a criação de novos serviços. Os materiais fornecem uma descrição detalhada do que é necessário em áreas como legislação, políticas e estratégias na saúde mental, prestação de serviços, financiamento, desenvolvimento da força de trabalho e participação da sociedade civil.


Clique aqui para acessar as orientações.

As publicações destacam os serviços de saúde mental de base comunitária, centrados na pessoa, em diversos locais no mundo, e são direcionadas para os governos, legisladores, profissionais da saúde e da assistência social, organizações não-governamentais, organizações de pessoas com condições de saúde mental e deficiências psicossociais, e outras partes interessadas, para implementar e ampliar os serviços comunitários de saúde mental que protejam e promovam os direitos humanos e melhorem a vida das pessoas.


Os materiais também incluem exemplos de países como Brasil (CAPS III Brasilândia e Rede de Atenção Psicossocial de Campinas), Índia, Quênia, Mianmar, Nova Zelândia, Noruega e Reino Unido, os quais possuem serviços de saúde mental baseados na comunidade, e que demonstraram boas práticas em relação a práticas não coercitivas, inclusão da comunidade e respeito à capacidade jurídica das pessoas (ou seja, o direito de tomar decisões sobre seu tratamento e vida).

Fonte: OPAS

Comments


bottom of page