top of page
  • Foto do escritorFórumDCNTs

OPAS destaca a Saúde Mental e como a comunicação pode ajudar em sua melhoria

A Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) lança dois importantes materiais sobre saúde mental. O primeiro é o "CD60/9 - Estratégia para melhorar a saúde mental e a prevenção do suicídio na região das Américas", referente aos cuidados com essa condição no Brasil e nos países vizinhos, enquanto o segundo trata-se do "Prevenindo o suicídio: um recurso para profissionais de mídia - Atualização 2023", um documento que guia as tratativas para com o assunto aos profissionais da comunicação.

Foto: Reprodução

O primeiro relatório apresenta a elevada quantidade das condições a partir da saúde mental, a baixa cobertura de tratamento e o aumento das taxas de suicídio que tornam a saúde mental um grave problema de saúde pública na Região das Américas. A pandemia de COVID-19 agravou a situação, aumentando a prevalência de problemas de saúde mental e perturbando os serviços essenciais de saúde mental. Outras emergências humanitárias, incluindo a migração, agravadas pela crise climática global, também representam uma ameaça significativa para a saúde mental. É necessária uma resposta intersectorial para dar prioridade à saúde mental e à prevenção do suicídio e mobilizar recursos para satisfazer a crescente procura de cuidados.


O objetivo desta estratégia é orientar e apoiar os Estados Membros da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) para melhorar a saúde mental e a prevenção do suicídio, a fim de promover a saúde e o desenvolvimento na Região no contexto da recuperação da pandemia de COVID-19 e do potencial emergências futuras. Este documento descreve seis linhas estratégicas de ação a serem implementadas num período de sete anos (2024–2030). São elas:

  1. Construir liderança, governação e parcerias multissetoriais em saúde mental, e integrá-la em todas as políticas

  2. Melhorar a disponibilidade, acessibilidade e qualidade dos serviços comunitários para problemas de saúde mental e apoiar o avanço da desinstitucionalização

  3. Promover estratégias e atividades de promoção e prevenção da saúde mental ao longo da vida

  4. Reforçar a integração da saúde mental e do apoio psicossocial em contextos de emergência

  5. Fortalecer dados, evidências e pesquisas

  6. Tornar a prevenção do suicídio uma prioridade nacional de todo o governo e desenvolver capacidade multissetorial para responder às pessoas afetadas por comportamentos suicidas

Foto: Divulgação

Já a atualização para os profissionais de mídia acerca da prevenção do suicídio mostra evidências de que as reportagens da mídia sobre o suicídio podem aumentar ou enfraquecer os esforços de prevenção do suicídio. Histórias amplamente divulgadas de mortes por suicídio são frequentemente seguidas por mais suicídios na população, enquanto histórias de superação de uma crise suicida podem levar a menos suicídios. Os profissionais da mídia são incentivados a se concentrar na apresentação de histórias de pessoas que superam dificuldades após uma crise suicida, ao mesmo tempo que seguem o que fazer e o que não fazer neste recurso ao reportar sobre suicídio.


Versões anteriores foram atualizadas neste recurso, em particular nas áreas de reportagem proativa sobre histórias de sobrevivência e prevenção do suicídio, impactos positivos da reportagem na prevenção do suicídio, esperança e recuperação, e considerações específicas para mídias online, digitais e sociais.


O público-alvo deste recurso compreende profissionais que trabalham diretamente na mídia, como jornalistas, diretores de notícias, editores, revisores, fotógrafos e cinegrafistas, bem como escolas de jornalismo. De forma mais ampla, é dirigido a todas as outras partes interessadas que comunicam, enviam mensagens ou falam publicamente sobre suicídio e prevenção do suicídio.


Um dos revisores do material foi José Manoel Bertolote, da Faculdade de Medicina de Botucatu, São Paulo.


Acesse CD60/9 - Estratégia para melhorar a saúde mental e a prevenção do suicídio na região das Américas aqui.


Acesse Prevenindo o suicídio: um recurso para profissionais de mídia - Atualização 2023 aqui.


bottom of page