top of page
  • Foto do escritorFórumDCNTs

Passos da Longevidade - Finalista Melhores Projetos FórumCCNTs 2024

Nome do Projeto: Passos da Longevidade

Responsável pelo projeto: Adriana da Silva Lockmann

Instituição: Banco de Alimentos do Rio Grande do Sul


Instituições parceiras: Conselho Municipal de Idosos (COMUI), as secretarias municipais e ONGs e Fundo do idoso



Sobre o Projeto:

Na sua terceira edição, o projeto tem como meta primordial promover e manter a funcionalidade, a independência e a saúde da população idosa atendida pelas instituições beneficiadas pelo Banco de Alimentos do Rio Grande do Sul. Suas ações abrangem desde avaliações nutricionais até a identificação da vulnerabilidade funcional, além de incluir iniciativas voltadas para promoção da saúde. Ao longo das suas edições, o projeto envolveu um público-alvo significativo, contando com a participação de1.764 idosos que integraram grupos de convívio e fortalecimento de vínculos em Organizações da Sociedade Civil (OSCs) associadas ao Banco de Alimentos.


O projeto foi implementado em duas fases distintas: uma dedicada às avaliações e outra às atividades de promoção e prevenção de agravos à saúde. As avaliações forneceram dados sobre o estado nutricional e vulnerabilidade funcional dos idosos, enquanto as atividades desenvolvidas são intervenções psicossociais e nutricionais O objetivo central dessas atividades é evitar condições associadas à má alimentação, como as Condições Crônicas Não Transmissíveis (CCNTs), consequentemente reduzindo as taxas de hospitalização e mortalidade entre os idosos. O atendimento em cada grupo é realizado semanalmente com duração média de duas horas, promovendo a participação ativa do público atendido.


Ao longo dos anos, o projeto realizou diversas avaliações e atividades, alcançando resultados expressivos. Foram atendidos 66 grupos, realizadas 1.541 avaliações nutricionais, 2.368 avaliações do consumo alimentar, 877 atividades de educação alimentar e nutricional, 1.006 intervenções psicoeducativas e 864 atividades multidisciplinares em saúde. Esses números evidenciam a capacidade do projeto em compreender as necessidades nutricionais, identificar patologias e padrões de consumo alimentar dos idosos, permitindo a implementação de ações eficazes para prevenir as CCNTs e mitigar seus impactos adversos.


O projeto viabilizado por meio de parcerias com diversas OSCs e lideranças de diferentes setores, como o Conselho Municipal de Idosos e as secretarias municipais. A escalabilidade e sustentabilidade do projeto visam proporcionar benefícios significativos à população-alvo, tais como acesso a serviços de saúde, aprimoramento do bem-estar e da qualidade de vida.


Saiba Mais:



Comentarios


bottom of page