top of page
  • Foto do escritorFórumDCNTs

DPOC: Políticas para aumentar diagnóstico, reduzindo mortes - 8/4 às 16h


Objetivos:

  • Entender as razões que levam a mais de 70% das pessoas com DPOC não estarem diagnosticadas, e as consequências disso para os indivíduos acometidos e a sociedade.

  • Favorecer a escala de programas que reverteram esse cenário em determinadas regiões do país e conhecer seus benefícios para a saúde e economia.

  • Engajar os diferentes setores no propósito de aprimorar políticas e programas para o enfrentamento da DPOC, começando pelas instituições presentes neste evento.


Agenda:

16h00-16h20 – Abertura e Contextualização (Mark Barone, FórumCCNTs) (Vídeo)

  • Angela Honda (Fundação ProAr) (Vídeo)

  • Wandilson Rodrigues Jr. (GSK) (Vídeo)

16h25-16h35 – Qual o impacto da DPOC na saúde do trabalhador e para as empresas? (Paulo Correa, SBPT) (Vídeo)


16h40-16h45 – Quais as diferenças mais marcantes em termos de diagnóstico e desfechos da DPOC em diferentes regiões do país? (Mario Moreira, CDD) (Vídeo)

16h50-16h55 – Qual estratégia tem sido mais eficaz para mudar o cenário do subdiagnóstico e mortes prematuras por DPOC na Bahia (Alcina Barbosa, SESAB) (Vídeo)


17h00-17h05 – Quais devem ser as principais estratégias para reduzir subdiagnóstico e melhorar desfecho de DPOC no país? (Maria José Evangelista, CONASS) (Vídeo)


17h10-17h15 – Quais devem ser as principais estratégias para reduzir subdiagnóstico e melhorar desfecho de DPOC no país? (Marcella Furtado, SMS- Uberlândia) (Vídeo)


17h20-17h55 – Debate com todos os painelistas – Com qual compromisso podemos sair deste evento para, em colaboração, melhoramos rastreio, diagnóstico e tratamento da DPOC no Brasil? (Moderação: Mark Barone, FórumCCNTs) (Vídeo)


Painelistas e Moderador

Alcina Romero

(SESAB)

Graduada em Enfermagem pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) e Pós-graduada pela Universidade Federal da Bahia em Administração Hospitalar. Atuou na Atenção e Gestão na Saúde Pública, Técnica na Coordenação Hospitalar do Estado da Bahia, Coordenadora de Urgência do Estado da Bahia. Atualmente é Diretora da Atenção Especializada da Secretaria Estadual de Saúde da Bahia (SESAB).


Angela Honda, MD

(ProAr)

Graduada em Medicina pela PUC-Campinas com Residência em Doenças Pulmonares pela Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, Especialista em Pneumologia. Vasta experiência como Consultora de Medicina Respiratória, Gerente e Diretora Médica. Atualmente é Médica no Departamento de Reabilitação Pulmonar na UNIFESP, sendo responsável pelo atendimento de pessoas com DPOC, e Líder de Programas Educacionais da Fundação ProAR.


Marcella Furtado

(SMS- Uberlândia)

Graduada em Fisioterapia pela Faculdade Integrada de Patrocínio (FIP); Pós-graduada pela UNICERP em Gestão em Saúde Pública; Políticas de de Saúde informadas por evidências, pela instituição ESPIE/Hospital Sírio Libanês e Gestão em Saúde Mnetal, pela ISP - Instituto de São Paulo e Doutoranda em Gestão de Sáude Pública pela UCES. Atuou na Atenção e Gestão na Saúde Pública no SUS, Fisioterapeuta, Consultora/Supervisora clínica voltadas para a área da saúde. Atualmente é Apoiadora técnica do Núcleo da Ateção Primária à Saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Uberlândia/MG; membro do grupo Contador de Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência/MG, e Supervisora Clínico-institucional em Saúde Mental de Carmo do Paranaíba/MG.


Maria José Evangelista, MSc

(CONASS)

Graduada em Enfermagem pela Universidade Federal de Sergipe, especialização em Administração Hospitalar pelo Centro São Camilo de Desenvolvimento em Administração da Saúde, especialização em Saúde Coletiva pelo Instituto de Saúde Coletiva - UFBA, especialização em Saúde Publica pelo Fundação Oswaldo Cruz, especialização em Evidence Based Chronic Illness Care pela University of Miami Miller School of Medicine e Mestrado em Ciências da Saúde pela Universidade de Brasília. Atualmente é Assessora Técnica do Conselho Nacional de Secretários de Saúde.


Mario Moreira, MSc

(CDD)

Graduado em Serviço Social pela Universidade Federal de Pernambuco e mestrado em Saúde Coletiva do Departamento de Medicina Social da Universidade Federal de Pernambuco. Atuou como Consultor em Saúde em diversas prefeituras do Estado de Pernambuco: Gestor de Informação em Saúde da Secretaria de Saúde, Gestor da II Regional de Saúde, Diretor Geral de Gestão Regional, Analista de controle Interno da Secretaria Especial da Controladoria de Pernambuco. Gestão em saúde, Políticas de Saúde, Saúde Coletiva, com ênfase em Epidemiologia, atuando nos seguintes temas: saúde reprodutiva, educação em saúde, formação profissional, acidentes e violências, informação e informática em saúde e avaliação institucional. Atualmente atuando junto a Organizações Sociais e Entidades do Terceiro Setor e porta voz sobre o tema DPOC, na instituição CDD (Crônicos do

Dia a Dia).


Paulo Correa, MD, MSc

(SBPT)

Médico Pneumologista pelo Hospital das Clínicas UFMG. Mestre em Saúde Pública pela Universidade Federal de Minas Gerais. Especialista em Clínica Médica pela Sociedade Brasileira de Clínica Médica e especialista em Pneumologia e Tisiologia pela Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia. Realizou fellowship em controle do tabagismo pela American Cancer Society e União Internacional contra o câncer. Expert em controle do tabagismo, com certificação em grau de excelência concedido pela Organização Pan-Americana de Saúde / Organização Mundial da Saúde. Foi vice-presidente da Comissão de tabagismo da Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia. Fez parte da missão da Organização Mundial da Saúde responsável pela Avaliação da Capacidade Brasileira para o Controle do Tabagismo. Atualmente é Professor da Graduação do Curso de Medicina da UFOP e da Faminas-BH e Coordenador da Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia.


Wandilson Rodrigues, MSc, PhD, MBA

(GSK)

Graduado em Fisioterapia (UNESA), Especialista em Reabilitação Neurológica pela Associação Pestalozzi de Reabilitação, Mestre em Neuroimunologia pela Universidade Federal Fluminense, Doutor em Neurociências pela Universidade Federal Fluminense e MBA pela Fundação Getúlio Vargas. Pós-Doutorado no Departamento de Neurofisiologia onde atuou como pesquisador no grupo de pesquisa em Neuropsicobiologia e Neuropsicofarmacologia da Universidade do Estado do Rio do Janeiro (UERJ). Atuou como Research Fellow na Universidade de Maryland - Escola de Medicina (EUA), professor e supervisor de estagio do curso de Fisioterapia da Universidade Salgado de Oliveira . Possui experiência na área de Reabilitação Neurológica e Neurofisiologia. Atualmente é Gerente Médico Científico de DPOC na GSK.


Mark Barone, PhD

(FórumCCNTs)

Doutor em Fisiologia Humana pela USP, Especialista em Educação em Diabetes e em Comunicação. Desenvolve pesquisas e projetos de Educação em Saúde, Empoderamento, Liderança de (im)pacientes, Divulgação Científica e Saúde Global. Ampla experiência na facilitação de parcerias para a implementação, sustentabilidade e escala de programas e políticas de saúde. Foi Fellow no PHI e Diretor Técnico do Instituto de Saúde Pública do Brasil, prestando serviço à Medtronic Foundation como Senior Global Technical Advisor e VP da Federação Internacional de Diabetes (IDF). Atualmente é Coordenador-geral do FórumCCNTs, Membro Honorário da ADJ Diabetes Brasil e Membro do Advisory, Scientific, ou Steering Committee de entidades nacionais e internacionais, incluindo IAPO, BMJ Patients Panel, RICPHI, NCD-Lab-GCM/WHO e LFAC.


Parceiros Institucionais
Parceiro Coorporativo


コメント


bottom of page