• FórumDCNTs

Relatório GT DCV - 10° Encontro do FórumDCNTs 2022

Problemas prioritários identificados:


I. Capacitação limitada da Atenção Primária à Saúde (APS), especialmente das Equipes de Saúde da Família e dos Agentes Comunitários de Saúde (ACSs), para ações de prevenção, rastreamento, diagnóstico precoce, literacia em saúde, educação continua para os autocuidados e acompanhamento efetivo das doenças cardiovasculares, incluindo: monitoramento e estratificação dos fatores de risco cardiovascular e uso de equipamentos. (desde 2021, com avanços, mas faltando escalar)


II. Ausência de oportunidades para integrar, compartilhar e escalar soluções efetivas de programas já existentes no setor público entre os níveis federal, estadual e municipal. (desde 2021, sem avanços)


III. Relações fracas entre os setores público, privado e terceiro setor, quanto a seleção, para a implementação e escala de projetos bem estabelecidos localmente, e ampliação das linhas de cuidados das pessoas com CCNT/DCNTs. (nova prioridade)


IV. Falta de Point-of-Care de perfil lipídico e hemoglobina glicada, MRPA, cadeira de auto aferição na APS, e utilização dos recursos dentro das linhas de cuidados já estabelecidas, a fim de melhorar e ampliar o acesso a exames para diagnóstico, ajuste de tratamento, educação em saúde, concomitante à melhor adequação do recurso. (desde 2021, sem avanços)


V. Necessidade de migração do sistema físico de gestão e monitoramento, atualmente ineficiente e com dificuldade na interoperabilidade das diferentes plataformas utilizadas pelos diferentes gestores de saúde, para o modelo digital incluindo automação, inteligência artificial e Chatbot. (desde 2021, com avanços locais, mas faltando escalar)


Planos dos participantes desta reunião para enfrentar os problemas prioritários identificados (próximos 6 meses)


I. Escalar intervenções para a Capacitação da APS, incluindo divulgação de recursos já existentes como o curso oferecido à APS em parceria da UNASUS com a UFMG (link).


II. Organizar uma dinâmica de interação do terceiro setor, sociedade civil, setor privado, e municípios com Ministério da Saúde, CONASS, CONASEMS e SES.


III. Criar plataforma com o objetivo de facilitar o compartilhamento de boas práticas e organizar a seleção de projetos com resultados efetivos que devam ser escalados.


IV. Organizar uma força tarefa capaz de auxiliar setores público e privado na incorporação das tecnologias de Point-Of-Care de perfil lipídico e hemoglobina glicada, MRPA e cadeira de auto aferição na APS.


Nome das instituições e seus representantes na reunião em abril:

  • Ana Carolina - UFMG

  • Mariana Silveira - Instituto Tellus

  • Patrícia Vieira – AHF e FórumDCNTs (Facilitadora e Relatora)

Nome das instituições e seus representantes na reunião em março:

  • Ana Carolina de Sá - UFMG

  • Marcio Galvão - UFBA

  • Maurício Mendonça – Sanofi

  • Mariana Silveira – Instituto Tellus

  • Patrícia Vieira de Luca - AHF e FórumDCNTs.

Relatório deste GT durante o 9º Encontro do FórumDCNTs: www.forumdcnts.org/post/gt-dcv-9encontro